Cidade

Transalvador vai flexibilizar autuação por pane seca devido à crise no abastecimento

De acordo com a Transalvador, “os agentes de trânsito estão orientados a não notificarem veículos imobilizados em via pública”

[Transalvador vai flexibilizar autuação por pane seca devido à crise no abastecimento]
Foto : Jefferson Peixoto/Secom-PMS

Por Metro1 no dia 25 de Maio de 2018 ⋅ 10:58

Os casos de pane seca nas ruas da capital baiana vão ser flexibilizados pela Superintendência de Trânsito de Salvador, devido à crise no abastecimento de combustíveis gerada pela greve dos caminhoneiros.

De acordo com o órgão municipal, “os agentes de trânsito estão orientados a não notificarem veículos imobilizados em via pública”. Em situações normais, a punição para a infração é de multa de R$ 130,16.

No entanto, o superintendente Fabrizzio Müller adverte os motoristas: “Antes de colocar o veículo em circulação nas vias públicas, o condutor deverá assegurar-se da existência de combustível suficiente para chegar ao local de destino. Mas, em virtude dos problemas ocasionado pelo movimento dos caminhoneiros, é de bom senso flexibilizar".

Notícias relacionadas