Cidade

BinaryBit: após protesto de investidores, fundador é surpreendido por PM

Recentemente, a Comissão de Valores Mobiliários emitiu alerta em relação à empresa, que já era investigada por suposto esquema de pirâmide financeira

[BinaryBit: após protesto de investidores, fundador é surpreendido por PM]
Foto : Divulgação

Por Metro1 no dia 23 de Outubro de 2019 ⋅ 14:12

A busca por alta rentabilidade parece não ter terminado bem para investidores que apostaram na BinaryBit, empresa baiana, mas que tem clientes de todo Brasil. 

Ontem, investidores que se sentiram lesados foram ao prédio onde mora Ricardo Toro, fundador da empresa, em Salvador. Segundo vídeos recebidos pelo Metro1, no momento da chegada dos manifestantes, Toro fazia uma "live" para explicar como procederia com os pagamentos dos investidores. 

Veja o vídeo aqui: 

 

 

Uma publicação compartilhada Ao Bahia Notícias, o fundador da BinrayBit reconheceu o protestos e disse que tenta resolver "alguns problemas". "Estabelecemos uma estratégia para resolver alguns problemas. Estive junto com eles. As pessoas estavam indignadas e queriam uma solução. Isso gerou tumulto, polêmicas", declarou Toro.

O Metro1 tentou contato, mas não conseguiu. Nas redes sociais, a empresa diz ser calcada na diversificação de produtor, "para que o investidor tenha o máximo de possibilidades de investimentos e possa fazer suas aplicações financeiras a partir de suas próprias estratégias ou de forma automatizada". 

Recentemente, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que tem a finalidade de disciplinar e fiscalizar o mercado de valores mobiliários, emitiu alerta em relação à empresa, que já era investigada por suposto esquema de pirâmide financeira.

Notícias relacionadas