Cidade

Homem causa confusão em ônibus e ataca pessoas em bar LGBT no centro

Vítima relatou que o homem gritava que mataria "veados e sapatões"

[Homem causa confusão em ônibus e ataca pessoas em bar LGBT no centro]
Foto : Reprodução/Instagram

Por Metro1 no dia 01 de Dezembro de 2019 ⋅ 17:30

Um homem causou uma confusão em um ônibus, fez uma mulher de refém e atacou pessoas em um bar LGBT, na Avenida Carlos Gomes, no centro da cidade, na madrugada deste domingo (1º). De acordo com a polícia, o suspeito identificado como Edson Oliveira Lima Macedo, 32 anos, foi contido por populares e policiais militares.

Segundo as testemunhas, Edson Macedo desceu do ônibus puxando uma mulher pelos cabelos, com um pedaço de madeira na mão e entrou no bar Espaço Cultural Caras e Bocas, onde começou a agredir as proprietárias e ameaça-las de morte. "Uma drag queen que iria se apresentar na casa entrou em vias de fato com ele. Depois, ele pegou minha esposa, foi puxando pelos cabelos, pela escada, dizendo que ia matá-la", relata uma das proprietárias do bar, Rosy Silva. A vítima também contou que ele gritava que mataria "veados e sapatões" e falava frases desconexas.

As vítimas foram encaminhadas para realizar exame de perícia. Rosy Silva relatou ainda que na porta da delegacia, o homem voltou a tentar ataca-la e a outras pessoas que estavam no local. 

Foi instaurado um inquérito para apurar os crimes de lesão corporal leve, dano, dano qualificado e ameaça. O procedimento será encaminhado para a 1ª Delegacia Territorial (DT/Barris).

De acordo com as informações da polícia, o suspeito foi levado pelos PMs até uma unidade de saúde, recusou atendimento médico e foi encaminhado a uma unidade psiquiátrica, onde foi medicado. À polícia, o suspeito alegou ser usuário de drogas e usar medicamento controlado. Não há detalhes se, após atendimento, ele foi preso.

Notícias relacionadas