Cidade

Coronavírus: cientistas da Ufba sequenciam vírus de paciente e estudam possíveis mutações

Sequenciamento de genoma deve ser concluído até o fim desta semana

[Coronavírus: cientistas da Ufba sequenciam vírus de paciente e estudam possíveis mutações]
Foto : Getty Images

Por Matheus Simoni no dia 16 de Março de 2020 ⋅ 12:40

Pesquisadores da Universidade Federal da Bahia (UFBA) anunciaram que conseguiram sequenciar o vírus da trabalhadora doméstica, paciente de Feira de Santana, registrado como o segundo caso de coronavírus na Bahia. Segundo o portal G1, o objetivo do grupo é estudar se houve possíveis mutações da doença.

"Nós começamos a sequenciar essa mostra para sabermos se o vírus tem as mesmas características do exterior, vindo da Itália, porque a pessoa que foi identificada em Feira de Santana veio da Itália e passou para a empregada", afirma o virologista do Instituto de Ciências da Saúde da UFBA, Gúbio Soares.

O estudo é importante para saber se o vírus está sofrendo mutações de um país para o outro. "Nós temos o vírus da empregada e é esse que estamos sequenciando". A expectativa é que o sequenciamento deve ser finalizado até amanhã. Na quinta (19), os pesquisadores devem ter o genoma completo do coronavírus. "Isso é um avanço, porque podemos ver se esse vírus sofreu mais alguma mutação após vir a Itália e passar para uma pessoa de Feira de Santana, com a genética diferente, com o clima diferente, tudo isso interfere", explicou.

Notícias relacionadas