Cidade

Prefeitura vai fiscalizar fechamento de templos religiosos e alvarás podem ser cassados

Fiscalização será feita a partir de quarta-feira, segundo o prefeito ACM Neto

[Prefeitura vai fiscalizar fechamento de templos religiosos e alvarás podem ser cassados]
Foto : Valter Pontes/ Agecom

Por Juliana Almirante no dia 23 de Março de 2020 ⋅ 11:09

O prefeito de Salvador afirmou, em coletiva na manhã de hoje (23), que os templos religiosos de Salvador que estiverem abertos podem ter o alvará de funcioanmento cassado. 

"A partir de quarta-feira (25), também vai começar a fiscalização e pode cassar funcionamento de templos religiosos. Falo isso com tranquilidade porque sou homem religioso, mas agora todos tem que ajudar e líderes religiosos tem que ajudar nisso. Nós estamos adicionando  no decreto municipal essa vedação. Agora preciso de apoio para fiscalizar. Disse ao governador que precisamos de apoio da Polícia Militar porque é muita coisa para fiscalizar ao mesmo tempo", declarou o gestor.

O decreto do governo do Estado, publicado na semana passada já proibia a realização de eventos religiosos com mais de 50 pessoas.

Outras medidas também foram anunciadas pelo prefeito hoje, como o fechamento de academias em condomínios e probição de uso de equipamentos sonoros nas ruas.

Notícias relacionadas