Cidade

Após ser preso por 'parecer' suspeito de roubo a carro, jovem é solto por liminar

Familiares e amigos afirmam que marido de vítima teria confundido Gabriel dos Santos Silva com o assaltante

[Após ser preso por 'parecer' suspeito de roubo a carro, jovem é solto por liminar]
Foto : Arquivo Pessoal

Por Metro1 no dia 14 de Junho de 2020 ⋅ 10:53

Preso por suspeita de roubo de carro, o jovem Gabriel dos Santos Silva, de 23 anos, foi solto por uma liminar da Justiça na manhã de hoje (14). A informação foi divulgada pelos familiares.

Ontem (13), familiares e amigos de Gabriel protestaram em frente à Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos, em Salvador, após ele ser preso suspeito de roubar um carro. Eles afirmam que o jovem foi confundido com o assaltante por ter características apontadas pelo marido da vítima do roubo: preto, cabelo loiro e tatuado.

A família afirma que Gabriel, que trabalhava como estoquista em uma loja de eletrodomésticos e não tem passagem pela polícia, foi preso na frente de uma agência bancária que fica no Centro Administrativo da Bahia (CAB), quando foi sacar o seguro desemprego, na sexta-feira. 

O marido da vítima do roubo teria ido ao local e apontou Gabriel como um dos suspeitos. Segundo os familiares e amigos, Gabriel falava no celular no momento em que foi encontrado, o que fez com que ele fosse confundido com o homem que receberia o dinheiro do resgate do veículo.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) informou que Gabriel foi preso em flagrante por extorsão e teria cobrado R$ 1 mil para devolver o carro roubado por ele.

Notícias relacionadas