Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Economia

Auxílio emergencial: Lira cobra alternativa a Guedes alegando 'situação crítica'

O presidente da Câmara afirma, porém, que não sabe de onde sairiam os recursos, como o Orçamento de 2021 ainda não foi aprovado

[Auxílio emergencial: Lira cobra alternativa a Guedes alegando 'situação crítica']
Foto : Marcos Corrêa/PR

Por Adele Robichez no dia 11 de Fevereiro de 2021 ⋅ 14:00

O presidente da Câmara Arthur Lira (PP-AL) cobrou hoje (11) ao ministro da Economia, Paulo Guedes, agilidade na criação de uma alternativa para o auxílio emergencial. Segundo ele, o governo tem que apresentar rapidamente uma alternativa, pois "a situação está ficando crítica na população".

A pasta está buscando uma forma de incluir o benefício sem ultrapassar o teto de gastos públicos, que ainda é incerto, já que o Orçamento de 2021 ainda não foi aprovado. Nenhuma proposta foi oficialmente apresentada ainda. Os parlamentares insistem que o auxílio retorne ou que seja criado algum outro programa social.

Apesar de afirmar que não sabe de onde sairiam os recursos, Lira acredita que o governo tem condições de fazer uma proposta. "Se nós tivermos alguma excepcionalidade com relação à calamidade pandêmica, acho que o governo tem os mecanismos para solucionar isso rápido", disse o presidente da Câmara. "Mas urge que o ministro Guedes nos dê, com sensibilidade do governo, uma alternativa viável dentro dos parâmetros da economia como ele pensa e como a sociedade deseja", completou.

"A situação está ficando crítica na população e a gente tem que encontrar uma alternativa", afirmou o representante do Congresso.

Notícias relacionadas