Segunda-feira, 02 de agosto de 2021

Economia

Volume de serviços prestados na Bahia cai 1,2% de março para abril

Segundo o IBGE, resultado representa, no entanto, uma alta frente ao mesmo mês de 2020

Volume de serviços prestados na Bahia cai 1,2% de março para abril

Foto: Reprodução/Shutterstock

Por: Metro1 no dia 11 de junho de 2021 às 11:18

Em abril, o volume do setor de serviços na Bahia voltou a recuar na comparação com o mês anterior e teve queda de 1,2%, na série com ajuste sazonal, após ter crescido 3,2% na passagem de fevereiro para março. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (11) na Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado foi pior do que a média nacional, que teve variação positiva de 0,7% nessa comparação, e seguiu o movimento de recuo verificado em 14 dos 27 estados.

O resultado negativo dos serviços baianos fez o setor se distanciar ainda mais do patamar pré-pandemia. Em março, o volume de serviços prestados no estado ficou 12,6% abaixo do registrado em fevereiro de 2020.

Ainda assim, na comparação com abril de 2020, o setor de serviços na Bahia mostrou crescimento de 22,4%, puxado pelos serviços prestados às famílias, que tiveram alta de 125,4%. Foi o primeiro resultado positivo nessa comparação com o mesmo mês do ano anterior depois de quase dois anos de quedas consecutivas, desde junho de 2019. A alta recorde no estado se deu em cima da maior queda que os serviços já haviam enfrentado na Bahia, de -30,2%, em abril de 2020, frente a abril de 2019.

No acumulado de janeiro a abril de 2021, frente ao mesmo período de 2020, os serviços seguem em queda na Bahia (-3,5%). Nos 12 meses encerrados em abril, o setor de serviços baiano também acumula queda (-12,1%).

Volume de serviços prestados na Bahia cai 1,2% de março para abril - Metro 1