Economia

Entidades negam que comercial do Banco do Brasil tenha custado R$ 17 milhões

De acordo com as associações, o material teria custado R$ 1 milhão, informação confirmada pela agência

[Entidades negam que comercial do Banco do Brasil tenha custado R$ 17 milhões]
Foto : Reprodução

Por Matheus Simoni no dia 07 de Maio de 2019 ⋅ 11:40

Vetada pelo presidente Jair Bolsonaro no mês passado, a campanha produzida para o Banco do Brasil foi defendida pela Federação Nacional das Agências de Propaganda (Fenapro) e pela Associação Brasileira de Agências de Publicidade (Abap). As entidades se posicionaram sobre o veto e apontaram um equívoco em comentários das redes sociais e publicações que apontam que o comercial teria custado R$ 17 milhões.

De acordo com as associações, o material teria custado R$ 1 milhão, informação confirmada pela agência.

Em comunicado, assinado por Glaucio Binder, presidente da Fenapro, a entidade afirma que o valor "pode ser verificado por meio das notas fiscais de prestação de contas em poder do próprio Banco do Brasil". Ainda segundo o texto, as "agências de publicidade que atendem contas públicas atuam em sintonia com a legislação e as regras dos órgãos de controle, como a CGU". "É fundamental, antes de propagar informações imprudentes, que se busque entender como funciona a atividade e a complexidade de uma campanha ou plano de mídia", afirma o comunicado.

Notícias relacionadas

[Latam cancela todos os voos saindo de Santiago]
Economia

Latam cancela todos os voos saindo de Santiago

Por Kamille Martinho no dia 21 de Outubro de 2019 ⋅ 14:40 em Economia

Cancelamento se dá em decorrência da onda de protestos violentos que atinge o país desde a última sexta-feira (18)