Economia

Setor de serviços da Bahia cresce 2,0% em janeiro, mas recua frente ao mesmo mês de 2019

Segundo dados divulgados pelo IBGE, serviços administrativos e de informação puxaram o índice para baixo

[Setor de serviços da Bahia cresce 2,0% em janeiro, mas recua frente ao mesmo mês de 2019]
Foto : Elza Fiúza / Agência Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 25 de Março de 2020 ⋅ 13:40

O volume do setor de serviços da Bahia cresceu 2,0% em janeiro, frente a dezembro de 2019, na série com ajuste sazonal, segundo dados divulgados hoje (25) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado positivo veio depois de duas quedas seguidas no fim do ano passado (-1,3% de outubro para novembro e -2,0% de novembro para dezembro).

Nessa comparação, o desempenho dos serviços na Bahia foi maior que a média nacional (0,6%) e acompanhou o movimento de alta verificado em 16 dos 27 estados.

Mesmo com o bom desempenho frente a dezembro, o resultado foi negativo em comparação ao mesmo mês de 2019, com queda de 3,6%, a terceira seguida no confronto com o mesmo mês do ano anterior e mostrando um leve aumento de ritmo de recuo: o volume de serviços prestados no estado já havia recuado 3,2% tanto em janeiro de 2018 quanto em janeiro de 2019. Nesse confronto, o desempenho dos serviços na Bahia (-3,6%) ficou bem abaixo da média nacional (1,8%).

Os serviços de informação e comunicação (-8,0%) e os serviços profissionais administrativos e complementares (-7,8%) tiveram os dois maiores recuos na comparação com 2019, puxando o índice para baixo.

Notícias relacionadas

[Preços do petróleo sobem mais de 13% ]
Economia

Preços do petróleo sobem mais de 13%

Por Luciana Freire no dia 03 de Abril de 2020 ⋅ 21:30 em Economia

Alta corresponde a expectativa de que um acordo global para cortes de oferta da commodity possa surgir no início da semana que vem

[Dólar sobe e é vendido a R$ 5,26]
Economia

Dólar sobe e é vendido a R$ 5,26

Por Luciana Freire no dia 02 de Abril de 2020 ⋅ 21:00 em Economia

Ibovespa teve alta em sessão marcada pelos mercados globais do petróleo voláteis