Economia

Segunda parcela do auxílio emergencial será paga somente por conta digital

Pessoas que receberem o crédito na poupança virtual somente vão poder transferir os recursos para outras contas ou efetuar o saque entre os dias 30 de maio e 13 de junho

[Segunda parcela do auxílio emergencial será paga somente por conta digital]
Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasi

Por Luciana Freire no dia 15 de Maio de 2020 ⋅ 16:00

A Caixa Econômica Federal decidiu pagar a segunda parcela do auxílio emergencial do governo federal de R$ 600 somente em conta poupança digital para todos os trabalhadores com direito ao benefício, independentemente se essas pessoas têm conta na instituição ou em outros bancos.

De acordo com o cronograma, as pessoas que receberem o crédito na poupança virtual somente vão poder transferir os recursos para outras contas ou efetuar o saque entre os dias 30 de maio e 13 de junho, conforme o mês de nascimento. A medida não afeta beneficiários do Bolsa Família.

A princípio somente será possível pagar contas, boletos e realizar compras pelo aplicativo da Caixa, via cartão de débito digital. O objetivo da Caixa é forçar o uso do aplicativo e evitar filas e aglomeração de pessoas nas agências.

Confira aqui o calendário da segunda parcela do benefício.

Notícias relacionadas