Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Esportes

Justiça argentina investiga se houve negligência na morte de Maradona

Na quinta (26), o advogado e amigo de Maradona, Matías Morla, denunciou "que a ambulância demorou mais de meia hora para chegar à casa onde estava o [camisa] 10"

[Justiça argentina investiga se houve negligência na morte de Maradona]
Foto : Paulo Pinto/FotosPublicas

Por Kamille Martinho no dia 28 de Novembro de 2020 ⋅ 17:00

A justiça argentina investiga as circunstâncias nas últimas horas antes da morte do ex-jogador Diego Maradona e se houve negligência no momento de prestar atendimentos. Ontem (27), uma pessoa próxima à família do ídolo de futebol afirmou à AFP que "já existem irregularidades".

Na quinta (26), o advogado e amigo de Maradona, Matías Morla, denunciou "que a ambulância demorou mais de meia hora para chegar à casa onde estava o [camisa] 10". Por isso, ele avisou que irá "até o fim" para esclarecer o ocorrido.

"A investigação foi iniciada porque é uma pessoa que faleceu em casa e ninguém assinou a certidão de óbito. Não quer dizer que haja suspeitas de irregularidades, mas é isso que está sendo apurado", disse a fonte, que pediu anonimato.

Notícias relacionadas