Sábado, 19 de junho de 2021

Esportes

Com ocupação de leitos em 82%, governo do Maranhão libera público na final do estadual

Só torcedores imunizados (com as duas doses) ou com PCR negativo poderão comprar os seis mil ingressos disponíveis para Sampaio Corrêa x Moto Club

Com ocupação de leitos em 82%, governo do Maranhão libera público na final do estadual

Foto: Lucas Almeida / Flickr Sampaio Corrêa

Por: Augusto Romeo no dia 13 de maio de 2021 às 12:37

O primeiro jogo da final do Campeonato Maranhense entre Sampaio Corrêa e Moto Club terá a presença de torcedores. A partida está marcada para domingo (16), às 16h, no Castelão, em São Luís. São seis mil ingressos colocados à venda, divididos de forma igualitária para os clubes.

Na quarta-feira (12), uma comissão do governo do estado foi ao estádio para uma vistoria técnica com o objetivo de concluir o protocolo voltado para a partida e oficializar a abertura dos portões para os torcedores. Serão disponibilizados apenas dois setores para aos torcedores. As vendas foram iniciadas na manhã desta quinta-feira e se estendem até este sábado (15). Não haverá, no entanto, venda no dia do jogo, como costumava acontecer antes da pandemia. Os bilhetes podem ser encontrados no Castelão, em São Luís, e em lojas parceiras dos clubes. 

O jogo obedecerá protocolo sanitário do Governo do Estado do Maranhão e terão algumas exigências. Apenas torcedores acima de 16 anos poderão comprar ingressos. Além disso, quem comparecer deve apresentar carteirinha de imunização com o ciclo completo (duas doses). Caso não esteja vacinado, o torcedor deve apresentar teste PCR com resultado negativo feito dois dias antes do jogo.

O boletim epidemiológico desta quinta-feira (13), divulgado pela Secretária de Estado da Saúde (SES) do Maranhão, informa um total de 276.062 casos confirmados de covid-19, sendo 9.152 novos casos neste mês. Além disso, foram 7.612 óbitos desde o início da pandemia, e 143 apenas em maio. A taxa de ocupação de leitos de UTI no estado se encontra aproximadamente em 82%.

Com ocupação de leitos em 82%, governo do Maranhão libera público na final do estadual - Metro 1