Segunda-feira, 25 de outubro de 2021

Esportes

Daniel Alves decide não assinar com nenhum clube até o fim do ano e está fora da Seleção

Lateral fez o anúncio em suas redes sociais após sair a lista de convocação para os próximos três jogos do Brasil

Daniel Alves decide não assinar com nenhum clube até o fim do ano e está fora da Seleção

Foto: Reprodução Instagram

Por: Metro1 no dia 24 de setembro de 2021 às 20:09

O lateral-direito Daniel Alves, 38 anos, anunciou nesta sexta-feira (24) que não vai assinar com nenhuma equipe até o fim do ano. Hoje (24) se encerrou o prazo para contratações dos times da Série A do Brasileirão. Daniel está sem clube desde que rescindiu contrato com o São Paulo, no último dia 16.

O atleta fez o comunicado em sua conta pessoal no Instagram, poucas horas após ficar fora da lista de convocados da Seleção para os jogos contra Venezuela, Colômbia e Uruguai.

"Não é sobre dinheiro. É sobre valores. É sobre hombridade. É sobre caráter. É sobre legado. As decisões difíceis precisam ser tomadas, mas como sempre nada na minha vida foi fácil. É apenas mais uma decisão", escreveu o lateral no seu perfil do Instagram.

Ao não ser incluído na relação, ele recebeu um recado claro da comissão técnica: para seguir com chances de disputar a próxima Copa do Mundo, será preciso que ele defina logo - e bem - o seu futuro.

"Na última convocação, eu e o Fabio (Mahseredjian, preparador físico da seleção) conversamos com ele (Dani Alves) particularmente, e colocamos todos os aspectos que remetem à seleção brasileira. E eu tive um contato com o Dani por mensagem - não vou dizer o que é, porque não me sinto no direito -, mas é sim uma torcida para que ele encontre seu melhor caminho", disse Tite nesta sexta-feira (24).

Como não se acertou com nenhuma equipe brasileira, Daniel Alves só poderá seguir em atividade na temporada no exterior, e em mercados restritos. Assim, corre o risco de só retomar o futebol em janeiro.

Sem a definição, Tite decidiu deixar de fora um dos jogadores que mais vezes ele chamou desde que assumiu a seleção, há cinco anos. E foi claro: a briga pela lateral direita vai ser igual para todo mundo.

 

Daniel Alves decide não assinar com nenhum clube até o fim do ano e está fora da Seleção - Metro 1