Quarta-feira, 04 de maio de 2022

Esportes

Após veto da Austrália, França também quer negar visto a negacionista Djokovic

Há 12 dias o governo francês tinha indicado que o tenista sérvio poderia participar no torneio de Roland Garros mesmo sem estar vacinado. A retificação foi feita agora pela ministra do Desporto francesa, Roxana Maracineanu

Após veto da Austrália, França também quer negar visto a negacionista Djokovic

Foto: Redes Sociais

Por: Metro1 no dia 17 de janeiro de 2022 às 10:23

O governo da França afirmou nesta segunda-feira (17) que o tenista sérvio Novak Djokovic não vai entrar no país caso não apresente vacinação contra a Covid-19.

Há 12 dias o governo francês tinha indicado que o tenista sérvio poderia participar no torneio de Roland Garros mesmo sem estar vacinado. A retificação foi feita agora pela ministra do Desporto francesa, Roxana Maracineanu, horas depois de o Parlamento aprovar definitivamente o projeto de lei que vai impor um certificado de vacinação para muitas atividades da vida social, que inclui assistir a eventos desportivos.

Número 1 do mundo, Djokovic  viveu uma novela para tentar entrar na Austrália para disputar o pimeiro Grand Slam do ano (um dos quatro maiores torneios do circuito mundial). Após intenso debate e idas e vindas, o governo australiano manteve o cancelamento do visto do atleta.

O Roland Garros começa no dia 22 de maio. Djokovic venceu duas vezes o torneio (2016 e 2021). O Aberto da Austrália, que ele não pode disputar neste ano, já havia sido vencido por ele nove vezes (2008, 2011, 2012, 2013, 2015, 2016, 2019, 2020 e 2021), sendo as três últimas consecutivas.
 

Após veto da Austrália, França também quer negar visto a negacionista Djokovic - Metro 1