Esportes

Depois de elogiar tentativas do Bahia em mantê-lo, Kieza critica o tricolor

Em uma rede social, Kieza escreveu um texto de despedida para o Bahia, a torcida tricolor e ainda destacou o esforço que a diretoria do Esquadrão fez para mantê-lo. No entanto, via Twitter, ao responder um torcedor tricolor sobre uma possível ida sua para o Vitória, Kieza criticou o atual bicampeão baiano [Leia mais...]

[Depois de elogiar tentativas do Bahia em mantê-lo, Kieza critica o tricolor]
Foto : Reprodução / Twitter

Por Pedro Sento Sé no dia 07 de Março de 2016 ⋅ 09:34

Quando o contrato de empréstimo de Kieza com o Bahia chegou ao fim em novembro do ano passado, a diretoria tricolor tentou de todas as formas manter o jogador no Fazendão na temporada de 2016.

Foram várias conversas com o Shanghai Shenxin, da China, clube que era o dono dos direitos econômicos do jogador, com propostas de empréstimo e até de transferência definitiva para Kieza continuar vestindo a camisa do Bahia. Nesse meio tempo, o Vitória também apresentou uma proposta ao jogador, mas uma negociação com o São Paulo, salário maior e a chance de disputar uma Libertadores pesaram e o jogador desembarcou no Morumbi.

Em uma rede social, Kieza escreveu um texto de despedida para o Bahia, a torcida tricolor e ainda destacou o esforço que a diretoria do Esquadrão fez para mantê-lo. “[...] vocês têm todo o meu respeito, por tudo que me proporcionaram, agradeço a diretoria todo o empenho que tiveram para me trazer e me manter no Brasil nas últimas temporadas”, dizia um trecho do texto.

Com um início ruim no São Paulo, onde nem sequer é utilizado nos jogos, logo se cogitou um retorno de Kieza ao Bahia. Porém o Vitória, que também já manifestou publicamente seu interesse em contar com o jogador, também analisa a situação dele no tricolor paulista para tentar uma contratação. 

No entanto, o que chamou a atenção de todos foi uma resposta que Kieza deu a um torcedor do Bahia via Twitter, sobre uma possível ida dele para o Vitória. Na postagem, o atacante disse que não tem mais vínculo com o time chinês, que é jogador do São Paulo “que acreditou no meu trabalho, tal coisa que o Bahia teve e não quis”. 

Notícias relacionadas