Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Esportes

Messi diz que jogo no Maracanã se tornou secundário e critica ação da polícia

A partida, marcada por briga entre torcedores brasileiros e argentinos, foi o último de Messi com a camisa Argentina em solo brasileiro

Messi diz que jogo no Maracanã se tornou secundário e critica ação da polícia

Foto: Reprodução Twitter Seleção Argentina

Por: Metro1 no dia 22 de novembro de 2023 às 11:43

Atualizado: no dia 22 de novembro de 2023 às 11:50

Capitão da Seleção Argentina e estrela da noite, o jogador Lionel Messi lamentou as cenas de violência entre torcedores argentinos e do Brasil momentos antes do início do clássico, nesta terça-feira (21).

Messi criticou a postura da Polícia Militar do Rio de Janeiro na contenção da briga e disse que com a confusão, a partida ficou em segundo plano. 

“A polícia, como aconteceu na final da Libertadores, mais uma vez reprimindo as pessoas, alguns jogadores tinham família lá. Naquele momento, a gente não sabia o que estava realmente acontecendo e ficamos prestando mais atenção nisso do que em jogar o jogo, que se tornou secundário", disse Messi em entrevista coletiva.

Devido a confusão, o jogo teve um atraso de quase trinta minutos. Pelo menos 17 torcedores foram levados ao Juizado Especial Criminal (Jecrim) do Maracanã, e duas precisaram de atendimentos médicos em função da briga.

O confronto marcou a despedida de Messi em jogos oficiais com a camisa da Argentina em solo brasileiro. A Argentina venceu o Brasil por 1x0, sendo a primeira derrota da história da Seleção Brasileira em casa durante as Eliminatórias da Copa do Mundo.