Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Sexta-feira, 14 de junho de 2024

Home

/

Notícias

/

Esportes

/

Carpini destaca desempenho inicial do Vitória diante do Botafogo, mas faz alerta: "Precisamos ser mais efetivos"

Esportes

Carpini destaca desempenho inicial do Vitória diante do Botafogo, mas faz alerta: "Precisamos ser mais efetivos"

Treinador explicou que “ansiedade” para definir as jogadas atrapalhou a equipe; Leão perdeu por 2 x 1 no jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil

Carpini destaca desempenho inicial do Vitória diante do Botafogo, mas faz alerta: "Precisamos ser mais efetivos"

Foto: Victor Ferreira/EC Vitória

Por: José Gabriel no dia 22 de maio de 2024 às 23:27

Atualizado: no dia 22 de maio de 2024 às 23:41

O Vitória de Thiago Carpini estreou dentro de campo com derrota para o Botafogo na noite desta quarta-feira (22). No jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil, o Rubro-Negro não conseguiu reverter a vantagem do Fogão e foi eliminado da competição nacional ao perder por 2 x 1 no Barradão. Luiz Henrique e Júnior Santos marcaram para os visitantes e Daniel Júnior descontou para o Leão - 3 x 1 no placar agregado.

Na entrevista coletiva, o técnico Thiago Carpini elogiou a competitividade do Vitória ao afirmar que a equipe "tomou iniciativa e foi superior ao adversário" no início do confronto. "Até os 25 minutos, foi uma partida controlada". Porém, a "ansiedade" atrapalhou o desempenho do time.

Carpini reconheceu a dificuldade da equipe rubro-negra para conter os contra-ataques do Fogão e a falta de "capricho" para serem "efetivos" nas definições das jogadas. O treinador ressaltou que “coletivamente” os ajustes que ele fez funcionaram, mas os "muitos" erros individuais prejudicaram o Leão mais uma vez.

O técnico também explicou a preferência por Bruno Univi ao lado de Wagner Leonardo para formar a dupla de zaga titular. De acordo com Carpini, a escolha foi pelo o que ele observou durante os cinco dias de treinamento. Segundo o treinador, o clube precisa "buscar alternativas" para o setor defensivo.

"Tem alguns jogadores que fogem um pouco da nossa característica de jogo e das ideias. Então, se pudermos ir ao mercado, esse é um setor que precisa de reforços", afirmou.

Como lição para as próximas partidas, Carpini pontuou que o time rubro-negro precisa ter “tranquilidade” e não “se desorganizar” quando sofrer um gol. "Vamos precisar trabalhar muitos aspectos e erros individuais", disse.

Agora, Carpini vai ter 10 dias de preparação até o próximo desafio. Segundo o técnico, a primeira vitória é "suficiente" para reconquistar a confiança. "Temos que aproveitar os períodos de treinos, otimizar a equipe e usar o que temos de melhor para a sequência do Campeonato Brasileiro".

O Rubro-Negro volta a jogar no dia 1º de junho, quando recebe o Atlético-GO no Barradão. A bola rola às 16h pela sétima rodada do Brasileirão.