Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Sexta-feira, 12 de julho de 2024

Home

/

Notícias

/

Esportes

/

Ceni reconhece atuação 'tecnicamente abaixo', mas elogia competitividade do Bahia para buscar o triunfo

Esportes

Ceni reconhece atuação 'tecnicamente abaixo', mas elogia competitividade do Bahia para buscar o triunfo

Técnico também destacou "evolução" da equipe no sistema de marcação; Esquadrão bateu o Fortaleza por 1 x 0, na Arena Fonte Nova

Ceni reconhece atuação 'tecnicamente abaixo', mas elogia competitividade do Bahia para buscar o triunfo

Foto: Letícia Martins/EC Bahia

Por: José Gabriel no dia 14 de junho de 2024 às 01:33

"É de se orgulhar", afirmou Rogério Ceni após o Bahia vencer o Fortaleza por 1 x 0, no fechamento da oitava rodada do Brasileirão. Nesta quinta-feira (13), com gol de Jean Lucas, a equipe baiana levou a melhor no duelo de tricolores na Arena Fonte Nova e manteve os 100% de aproveitamento atuando em casa.

Apesar do treinador elogiar a competitividade do Esquadrão para conseguir o triunfo, nem tudo foi positivo no confronto. Ceni reconheceu o desempenho "tecnicamente abaixo, principalmente no primeiro tempo". Segundo o técnico, a atuação da equipe não saiu do jeito que ele esperava, pois "não refletiu o que foi a semana de trabalho".

"Tivemos muitos erros de passe, uma afobação na construção das jogadas, tinha que trabalhar mais a bola antes de construir", disse em entrevista coletiva.

Ceni apontou uma "evolução" do Bahia no sistema de marcação. O treinador creditou esse progresso à entrega e ao comprometimento dos jogadores. "O talento só não sobrevive, são caras diferentes na parte técnica, mas se sujeitam a voltar, a marcar".

O técnico também falou sobre a posição do Tricolor baiano na tabela, que voltou para a segunda posição com 17 pontos. "Tem capacidade técnica para brigar pela liderança, se eles se doarem na parte tática, temos condições de enfrentar outros adversários".

Em relação à escolha por Rezende para substituir Kanu, que sentiu um desconforto muscular no aquecimento para a partida, Ceni explicou que preferiu improvisar o volante na zaga, pois ele tinha “mais ritmo de jogo e treinou na função”.

No domingo (16), o Bahia encara o Criciúma no Estádio Heriberto Hülse, em Santa Catarina. A bola rola às 18h30, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro.