Esportes

Capitão do Vitória revela briga com Marinho e aposta placar no Ba-Vi

Capitão do Vitória nas últimas temporadas, o volante Willian Farias comentou os bastidores do rubro-negro em entrevista ao canal Bar Futebol Clube no YouTube. Em vídeo publicado nesta quarta-feira (22), o atleta falou sobre a convivência com o atacante Marinho. Farias disse que chegou a brigar com o ex-jogador do Vitória, que deixou o Leão da Barra para jogar na China, por conta de uma certa 'vaidade'. [Leia mais...]

[Capitão do Vitória revela briga com Marinho e aposta placar no Ba-Vi]
Foto : Reprodução/BarFC

Por Matheus Simoni no dia 22 de Fevereiro de 2017 ⋅ 15:02

Capitão do Vitória nas últimas temporadas, o volante Willian Farias comentou os bastidores do rubro-negro em entrevista ao canal Bar Futebol Clube no YouTube. Em vídeo publicado nesta quarta-feira (22), o atleta falou sobre a convivência com o atacante Marinho. Farias disse que chegou a brigar com o ex-jogador do Vitória, que deixou o Leão da Barra para jogar na China, por conta de uma certa 'vaidade'.

"Uma vez eu briguei com ele nesse sentido. Ele disse que não iria treinar um dia. Eu falei que tudo bem, mas que ele fosse ver o que o substituto dele estava fazendo para que, quando ele fosse entrar, ele ver o que tinha que fazer. Aí ele ficou um pouco bravo comigo e quis dizer que ele 'resolvia'. Aí eu fui bem... eu sou um pouco grosso. Falei para ele colocar as 11 camisetas e ir para o jogo", disse o volante.

"É um cara que eu admiro, a gente era parceiro mas dentro de campo era porrada. Eu dava porrada nele, ele xingava, mas era assim. Às vezes é assim dentro do campo, adrenalina e não é 'obrigado' ou 'por favor'. É só de 'filho da puta' para cima", brincou.

Farias revelou que chegou a ajudar na vinda de Marinho para o Vitória. Segundo ele, o empresário do ex-rubro-negro, Jorge Machado, queria que ele fosse para o Bahia. No entanto, o capitão defendeu a contratação do atacante. "Eu disse que tinha um cara que iria ajudar o clube. Eu tinha um bom relacionamento com o Anderson Barros [então diretor de futebol]. O Marinho me perguntou o que eu tinha achado do Vitória no pouco tempo que eu estava por aqui", declarou. O jogador ainda fez uma aposta envolvendo o placar do próximo Ba-Vi. 

 

Notícias relacionadas