Esportes

Guto comenta sequência de jogos do Bahia fora de casa: 'É outra guerra'

O técnico Guto Ferreira comentou a sequência de jogos fora de casa do Bahia nos próximos jogos, em entrevista após o duelo com o Vitória da Conquista neste domingo (5), vencido pelo Esquadrão por 1 a 0. Para o comandante tricolor, a montagem da equipe vai ser pensada para garantir o avanço na Copa do Brasil e a classificação na Copa do Nordeste. [Leia mais...]

[Guto comenta sequência de jogos do Bahia fora de casa: 'É outra guerra']
Foto : Divulgação/ECB/Felipe Oliveira

Por Matheus Simoni no dia 05 de Março de 2017 ⋅ 18:20

O técnico Guto Ferreira comentou a sequência de jogos fora de casa do Bahia nos próximos jogos, em entrevista após o duelo com o Vitória da Conquista neste domingo (5), vencido pelo Esquadrão por 1 a 0. Para o comandante tricolor, a montagem da equipe vai ser pensada para garantir o avanço na Copa do Brasil e a classificação na Copa do Nordeste.

"Quando entramos em campo contra o Altos-PI, estávamos há 15 dias sem jogar. Isso aconteceu por conta do adiamento do jogo da Copado Brasil. Precisamos utilizar o Eduardo e o Renê. Vamos ver agora como vamos montar o time. É outra guerra. Uma sequência em cima da outra. Queremos triunfar para seguir. Depois temos o Moto Club para decidir a classificação agora. Brincando um pouco, só tem jogo fácil agora", disse Guto Ferreira.

O treinador também falou o motivo de não ter utilizado o atacante Maikon Leite, que foi opção no banco tricolor. "Maikon ainda não jogou. AInda não tem ritmo, e esse campo é extremamente pesado. Uma coisa é ser velocista em um campo rápido. Aqui nesse campo não tinha velocidade. Como a bola não corre, a nossa defesa, mesmo não tão rápida como os jogadores, tinha a velocidade se sobressaindo. Se tivéssemos um ritmo melhor, teríamos aproveitado. Por isso colocamos o Mário e o Feijão", declarou.

Notícias relacionadas