Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Esportes

De virada, Bahia estreia no Brasileirão com vitória por 3 a 2 sobre o Corinthians

Vitória tricolor teve direito a golaço de cobertura de Rogério

[De virada, Bahia estreia no Brasileirão com vitória por 3 a 2 sobre o Corinthians]
Foto : Felipe Oliveira/EC Bahia

Por Leo Sousa no dia 28 de Abril de 2019 ⋅ 17:59

O Bahia fez bem a sua largada no Campeonato Brasileiro. Em partida disputada na Fonte Nova na tarde deste domingo (28), o Tricolor venceu o Corinthians de virada por 3 a 2. O resultado deixa a equipe na 3ª colocação na tabela, com os primeiros três pontos, restando dois jogos para o fim da primeira rodada.

História do jogo: Após um tempo regulamentar de muita movimentação e algumas oportunidades para os dois lados, o Corinthians abriu o placar aos 46 do primeiro tempo: Pedrinho recebeu com liberdade de fora da área e acertou belo chute no canto.

Mas os donos da casa não deram tempo para o time paulista comemorar. Menos de um minuto depois, Arthur Caíke aproveitou cruzamento de Nino e, de cabeça, deixou tudo igual.

A virada tricolor nasceu já aos 30 minutos da segunda etapa, de uma bela jogada do setor ofensivo da equipe. Após troca de passes no ataque, Artur recebeu na área cruzamento rasteiro de Gilberto e finalizou forte, sem chance para o goleiro Cássio.

Oito minutos depois, com um golaço, Rogério consolidou a vitória do Bahia. O atacante, que havia entrado no lugar de Arthur Caíke, recebeu passe enfiado de Ramires, contou com furo de Ralf, e encobriu Cássio.

Também com uma bela finalização, Clayson descontou para o time alvinegro e deu números finais à partida.
 

Notícias relacionadas

[Flamengo é campeão brasileiro de 2020]
Esportes

Flamengo é campeão brasileiro de 2020

Por Matheus Simoni no dia 25 de Fevereiro de 2021 ⋅ 23:38 em Esportes

Time carioca disputou até o último minuto com o Internacional, que ficou distante do título por apenas um gol