Esportes

Paulo Carneiro se irrita ao falar de verba do futebol feminino: 'Quem manda no Vitória sou eu'

'O que a CBF divulgou não é problema meu', afirmou o dirigente sobre o repasse do montante de R$ 120 mil

[Paulo Carneiro se irrita ao falar de verba do futebol feminino: 'Quem manda no Vitória sou eu']
Foto : Tiago Caldas/ECV/Divulgação

Por Matheus Simoni no dia 16 de Junho de 2020 ⋅ 14:19

O presidente do Vitória, Paulo Carneiro, perdeu a linha em uma entrevista hoje (16), após questionamentos sobre a verba destinada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ao time de futebol feminino do clube. Irritado com a repercussão do atraso no repasse às atletas, o dirigente bradou que é ele que dita as normas do rubro-negro. 

"Eu não tenho dinheiro carimbado. Não assinei nenhum documento, não tenho obrigação. Eu vou pagar, mas vou pagar quando eu puder. O caixa do Vitória é caixa único. O que a CBF divulgou não é problema meu. É problema do CBF. Para ficar claro, quem manda no Vitória sou eu", disse o presidente, em entrevista à Rádio Sociedade. "Se eu me chatear, eu fecho o Vitória e não entra ninguém lá. Quem manda sou eu e acabou", gritou. 

Questionado sobre a destinação das verbas, o dirigente rebateu que o repasse da CBF, anunciado como destino final para a categoria, não tem obrigação de ser aplicado. 

"Eu estou pouco me lixando, denúncia anônima não tem credibilidade. Não importa, e daí? Que se lixe, eu sei o tamanho dos problemas que eu tenho para manter esse clube vivo, apesar dessa imprensa com esse discurso demagógico e desproposital. O Vitória não tem dinheiro, o dinheiro que entra é para pagar as prioridades do clube. E pronto, acabou", vociferou. "Que bobagem, que coisa demagógica. O futebol feminino mexe com a sensibilidade das pessoas. Apareceu um bando de comunistas que destruíram o Vitória em 2017, fazendo doação e um monte de politicagem", acrescentou. 

"Eu tomo as decisões e não adianta. Podem ficar vocês esperneando até amanhã de manhã porque quem manda no Vitória sou eu", finalizou o presidente. 

Leia mais:

>>> Paulo Carneiro sobre verba do futebol feminino do Vitória: 'Presidente faz do dinheiro o que ele quiser'

>>> Grupo de torcedores do Vitória cria campanha para arrecadar dinheiro em prol do futebol feminino

Notícias relacionadas