Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Esportes

Após denúncia de Neymar, presidente da federação francesa diz que 'racismo não existe no futebol'

Nesta semana Neymar foi expulso após ter dado um tapa no zagueiro Álvaro González e acusou o defensor adversário de racismo; Comitê Disciplinar investiga o caso

[Após denúncia de Neymar, presidente da federação francesa diz que 'racismo não existe no futebol']
Foto : Divulgação/ PSG

Por Luciana Freire no dia 15 de Setembro de 2020 ⋅ 19:30

Presidente da Federação Francesa de Futebol (FFF), Noël Le Graët, afirmou que discriminação por raça não é um problema no esporte.

“O fenômeno do racismo no esporte, e no futebol em particular, não existe ou quase não existe”, afirmou o dirigente em entrevista a o canal “RMC”.

Nesta semana Neymar foi expulso após ter dado um tapa no zagueiro Álvaro González na derrota do PSG para o Olympique de Marselha, pelo Campeonato Francês, e acusou o defensor adversário de racismo. (Leia mais)

Questionado sobre o caso, Le Graët insistiu na opinião e falou que o preconceito racial não é um problema do esporte de uma maneira geral. “Em um jogo, pode haver problemas. Mas temos menos de 1% de dificuldade hoje. Quando um negro marca um gol, todo o estádio aplaude”, comentou.

O Comitê Disciplinar da Liga de Futebolistas Profissionais está investigando o caso.

Notícias relacionadas