Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Sexta-feira, 19 de abril de 2024

Home

/

Notícias

/

Internacional

/

Ataque de Israel em consulado iraniano na Síria mata comandante de Guarda Revolucionária e outras sete pessoas

Internacional

Ataque de Israel em consulado iraniano na Síria mata comandante de Guarda Revolucionária e outras sete pessoas

Ataque atribuído a Israel aconteceu na manhã desta segunda-feira (1º)

Ataque de Israel em consulado iraniano na Síria mata comandante de Guarda Revolucionária  e outras sete pessoas

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Por: Metro1 no dia 01 de abril de 2024 às 16:14

Um bombardeio de Israel nesta segunda-feira (1º) atingiu o consulado do Irã em Damasco, capital da Síria. Segundo a imprensa dos países envolvidos, ao menos oito pessoas foram mortas no acidente. Entre eles, estão o general da Guarda Revolucionária iraniana, Mohammad Reza Zahedi, um dos interlecutores com o grupo radical Hezbollah, segundo a agência AFP.

“O general de brigada Mohammad Reza Zahedi, um dos principais comandantes da Força Quds do Corpo da Guarda Revolucionária Islâmica, foi martirizado em um ataque de combatentes do regime sionista ao anexo do Consulado da República Islâmica do Irã em Damasco”, disse a televisão estatal iraniana Irib. Outros cinco membros da guarda foram mortos no ataque

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), que tem sede no Reino Unido descreveu que mísseis israelenses destruíram o edifício de um anexo da embaixada iraniana em Damasco. A residência do embaixador também foi danificada, mas ele e sua família não foram feridos.  Israel não se manifestou sobre o caso até o momento.

O ministro das Relações Exteriores sírio, Faisal Mekdad, condenou o ataque. “O ataque destruiu todo o edifício, matando e ferindo a todos que estavam dentro. Trabalhos estão em andamento para recuperar os corpos e resgatar os feridos entre os escombros”, disse um comunicado do ministério.