Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Sexta-feira, 24 de maio de 2024

Home

/

Notícias

/

Internacional

/

Equador prende líder de grupo criminoso que fugiu da prisão e levou país a estado de emergência

Internacional

Equador prende líder de grupo criminoso que fugiu da prisão e levou país a estado de emergência

Fabrício Colón Pico Suárez é acusado de organizar um plano para assassinar a procuradora-geral do Equador, Diana Salazar

Equador prende líder de grupo criminoso que fugiu da prisão e levou país a estado de emergência

Foto: Divulgação/Forças Armadas do Equador

Por: Metro1 no dia 22 de abril de 2024 às 12:15

Atualizado: no dia 22 de abril de 2024 às 12:24

As forças de segurança do Equador anunciaram, nesta segunda-feira (22), que prenderam um dos líderes do grupo Los Lobos, facção criminosa que desencadeou uma onda de violência no país, responsável por fazer o presidente, Daniel Noboa, declarar estado de exceção.

Fabrício Colón Pico Suárez foi preso nesta segunda-feira, em Puerto Quito, uma pequena cidade a noroeste da capital. . Ele havia fugido da prisão em Riobamba, na região central andina, no dia 9 de janeiro, em um ataque que deixou 20 mortos. Foram três meses de fuga e uma das piores crises de segurança na América Latina.

Ele é acusado de organizar um plano para assassinar a procuradora-geral do Equador, Diana Salazar. Pico foi preso por conta do plano antes da sua execução Segundo investigou a polícia, o plano fazia parte de uma retaliação a Salazar, porque ela revelou o vínculo do grupo com nomes da política, juízes e entidades do Estado.

No mesmo episódio de fuga, o chefe da organização criminosa Los Choneros, Adolfo Macías, conhecido como Fito, também acabou escapando. Ele cumpria pena de 34 anos de prisão desde 2011 e ainda não foi encontrado.