Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Justiça

Desembargador autoriza soltura do cantor Belo, preso nesta quarta-feira

O artista foi preso preventivamente ontem (17) no Rio de Janeiro por fazer um show em uma escola estadual, furando os protocolos de restrições da pandemia da Covid-19

[Desembargador autoriza soltura do cantor Belo, preso nesta quarta-feira]
Foto : Reprodução/TV Globo

Por Adele Robichez no dia 18 de Fevereiro de 2021 ⋅ 08:40

O pedido de habeas corpus do cantor Belo foi aceito no início da madrugada de hoje (18) pelo desembargador Milton Fernandes de Souza. O alvará de soltura ainda será expedido.

O artista, cujo nome real é Marcelo Pires Vieira, foi preso preventivamente ontem (17) pela Delegacia de Combate às Drogas, da Polícia Civil do Rio de Janeiro, por fazer um show no Complexo da Maré, na Zona Norte da capital, furando os protocolos de restrições da pandemia da Covid-19. O evento aconteceu no último sábado (13), dentro de um colégio público.

Como o show foi realizado em uma escola estadual e não teve autorização das autoridades de Saúde, a polícia também investiga a invasão ao colégio. Outras três pessoas tiveram mandados de prisão preventiva decretados na operação: dois sócios da produtora, Célio Caetano e Henrique Marques (Rick), e o chefe do tráfico de drogas no Parque União, Jorge Luiz Moura Barbosa (Alvarenga) - que não chegou a ser detido.

Notícias relacionadas