Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Justiça

MP denuncia Kassab por corrupção passiva, lavagem, caixa 2 eleitoral e associação criminosa

Segundo a denúncia, Kassab recebeu, entre janeiro de 2014 e dezembro de 2016, quantia superior a R$ 16 milhões indevidamente do frigorífico JBS em razão de sua função de ministro, "antes e depois de assumi-la"

[MP denuncia Kassab por corrupção passiva, lavagem, caixa 2 eleitoral e associação criminosa]
Foto : Valter Campanato/Agência Brasil

Por Luciana Freire no dia 25 de Fevereiro de 2021 ⋅ 22:00

O Ministério Público Eleitoral de São Paulo denunciou, hoje (25), o ex-ministro e ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSD), pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro, caixa 2 eleitoral e associação criminosa. A acusação é assinada pelos promotores da força-tarefa do MP-SP que atua na 1ª Zona Eleitoral de São Paulo.

De acordo com a denúncia, Kassab recebeu, entre janeiro de 2014 e dezembro de 2016, quantia superior a R$ 16 milhões indevidamente do frigorífico JBS em razão de sua função de ministro, "antes e depois de assumi-la".

Em nota, a defesa de Gilberto Kassab afirmou que "já apresentou farta documentação que demonstra, de forma cabal e inequívoca, que houve a real e efetiva prestação dos serviços dos dois contratos, com valores adequados e compatíveis com os praticados no mercado, executados mediante relação contratual entre empresas privadas" e "reafirma a lisura de seus atos e sua total confiança na Justiça, com a certeza de que restará comprovada a correção de todos os atos apurados".

Notícias relacionadas