Segunda-feira, 02 de agosto de 2021

Justiça

CPI ouve secretária do Ministério da Saúde conhecida como "Capitã Cloroquina" nesta terça

Mayra Pinheiro foi uma das principais responsáveis pela propagação do uso de remédios sem eficácia comprovada contra o coronavírus

CPI ouve secretária do Ministério da Saúde conhecida como "Capitã Cloroquina" nesta terça

Foto: Reprodução

Por: Metro1 no dia 25 de maio de 2021 às 09:25

A secretária de Gestão do Trabalho e da Educação do Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro, conhecida como “Capitã Cloroquina”, será ouvida pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid nesta terça-feira (25).

A médica, uma das principais responsáveis pela propagação do uso de remédios sem eficácia comprovada contra o coronavírus durante a pandemia, terá que responder sobre a distribuição destes. A Organização Mundial de Saúde (OMS) desaconselha o uso, assim como outros órgãos importantes da área.

Além disso, a secretária terá que explicar o colapso da saúde de Manaus, quando os casos na capital dispararam e as unidades de saúde ficaram desabastecidas de oxigênio, o que ocasionou muitas mortes e o avanço da pandemia. Pouco antes da situação, Mayra esteve na cidade para defender a utilização do “tratamento precoce" contra a doença. Neste ponto, é investigada a omissão do Ministério da Saúde, após o recebimento de um comunicado de alerta.

Mayra Pinheiro será a nona pessoa a prestar depoimento à CPI. Ela estará na condição de testemunha, sendo obrigada a falar a verdade. O Supremo Tribunal Federal (STF), porém, concedeu o direito de não responder perguntas sobre ocorrências entre dezembro e janeiro, período no qual ela é alvo de uma ação na Justiça Federal do Amazonas.

CPI ouve secretária do Ministério da Saúde conhecida como "Capitã Cloroquina" nesta terça - Metro 1