Justiça

Ministro Edson Fachin defende decisões do STJ e vota contra liberdade de Lula

Segunda Turma da Corte julga dois habeas corpus do petista

[Ministro Edson Fachin defende decisões do STJ e vota contra liberdade de Lula]
Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por Adelia Felix no dia 25 de Junho de 2019 ⋅ 17:05

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), votou pela rejeição ao primeiro habeas corpus que contesta a decisão monocrática do ministro Félix Fischer, relator da Operação Lava Jato no Superior Tribunal de Justiça (STJ), que rejeitou a absolvição do ex-presidente no caso do tríplex, em Guarujá (SP). A sessão acontece nesta terça-feira (25).

O relator da Lava Jato no STF compõe a Segunda Turma da Corte que julga dois habeas corpus do petista que pedem a soltura do ex-presidente. Ainda faltam votos de outros quatro ministros. O segundo HC, que trata da suspeição de Moro, pode ser julgado depois desse.

Após o voto, a ministra Cármen Lúcia, que presidente a Segunda Turma, suspendeu a sessão. Após análise das reclamações relativas ao STJ será analisado o pedido de suspeição de Moro.

Lula está preso há mais de 400 dias, condenado por corrupção no âmbito da Operação Lava Jato.

Notícias relacionadas

[Ação tenta impedir nomeação de reitor da UFRB]
Justiça

Ação tenta impedir nomeação de reitor da UFRB

Por Juliana Almirante no dia 11 de Julho de 2019 ⋅ 10:00 em Justiça

Recurso protocolado no último dia 4 requer a nulidade da composição da lista tríplice e a nomeação de reitor temporário, se o posto ficar vago