Justiça

TJ-BA nomeia desembargadores alvos da Operação Faroeste para cargos no tribunal

Gesivaldo Britto, ex-presidente do TJ-BA, foi nomeado para a seção criminal e José Olegário e Maria do Socorro para a seção cível

[TJ-BA nomeia desembargadores alvos da Operação Faroeste para cargos no tribunal]
Foto : Divulgação

Por Luciana Freire no dia 07 de Fevereiro de 2020 ⋅ 15:40

Afastados desde 19 de novembro de 2019, no âmbito da Operação Faroeste, os desembargadores Gesivaldo Britto, Maria do Socorro Barreto Santiago, que está presa no presídio da Papuda, em Brasília, e José Olegário Monção Caldas foram nomeados pela presidência do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) para as seções criminal e cível.

Segundo informou o Tribunal as nomeações são para seguir o regimento interno da Corte, a qual assegura aos desembargadores a nomeação para cargos em Turmas e Câmaras do judiciário. Na prática, as nomeações apenas indicam onde estão alocados os desembargadores, que só podem ocupar os cargos após autorização judicial.

Gesivaldo Britto, ex-presidente do TJ-BA, foi nomeado para a seção criminal e José Olegário e Maria do Socorro para a seção cível. A nomeação dos juízes substitutos também já foi publicada. De acordo com o TJ, a nomeação dos desembargadores é na verdade um retorno aos cargos que ocupavam antes de fazerem parte da Corte.

Notícias relacionadas