Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Mundo

França não aceita acordo com Mercosul sem garantia antidesmatamento, diz ministro

A declaração foi feita na mesma semana em que o presidente da comissão de ambiente do Parlamento Europeu rejeitou o acordo

[França não aceita acordo com Mercosul sem garantia antidesmatamento, diz ministro]
Foto : Reprodução/World Press Forum

Por Kamille Martinho no dia 29 de Janeiro de 2021 ⋅ 08:30

O governo francês não vai aprovar o acordo de associação entre a União Europeia e o Mercosul se ele não incluir garantias de que não trará aumento do desmatamento. A informação foi dada hoje pelo ministro do Comércio francês, Franck Riester. A declaração foi feita na mesma semana em que o presidente da comissão de ambiente do Parlamento Europeu, o francês Pascal Canfin, rejeitou o acordo.

“É inconcebível que o aumento do comércio incremente também a importação de desmatamento. É preciso haver garantias na lei para combater o desmatamento importado. Esse é o problema que temos com o Mercosul, e estamos tentando achar uma solução que assegure que o aumento do comércio com o Mercosul não vai elevar a importação de desmatamento”, disse Riester em debate sobre como tornar o comércio mais sustentável, no Fórum Econômico Mundial.

O acordo entre os dois blocos está travado desde 2019, quando as negociações foram concluídas, 20 anos depois de iniciadas.

Notícias relacionadas