Mundo

Ajuda do FMI e BM à Venezuela depende que membros decidam entre Guaidó e Maduro

A legitimidade do governo da está em xeque desde janeiro

[Ajuda do FMI e BM à Venezuela depende que membros decidam entre Guaidó e Maduro]
Foto : Reprodução/Facebook

Por Kamille Martinho no dia 11 de Abril de 2019 ⋅ 20:00

Os diretores do Fundo Monetário Internacional (FMI) e o Banco Mundial (BM) afirmaram hoje (11) que, para ajudar a Venezuela, precisam que os membros dos dois organismos decidam qual governo reconhecem em Caracas.

A legitimidade do governo da está em xeque desde janeiro, quando o líder opositor Juan Guaidó desafiou a autoridade do presidente Nicolás Maduro, em meio a um agravamento da crise econômica e humanitária no país sul-americano.

“Cabe aos nossos membros indicar qual autoridade eles estão reconhecendo diplomaticamente para que possamos seguir adiante”, disse Christine Lagarde, diretora-gerente do FMI. “Depende deles indicar qual autoridade reconhecem diplomaticamente para que possamos agir. Assim que fizerem isso, vamos agir”, acrescentou.

Notícias relacionadas

[EUA afirmam manter apoio ao Brasil na OCDE]
Mundo

EUA afirmam manter apoio ao Brasil na OCDE

Por Juliana Almirante no dia 11 de Outubro de 2019 ⋅ 09:20 em Mundo

Manifestação ocorre depois de a agência Bloomberg revelar documento que apontava o contrário