Mundo

China confina meio milhão de pessoas perto de Pequim, após novo surto de coronavírus

O país asiático havia praticamente contido a epidemia, entretanto, em pouco mais de duas semanas, cerca de 300 novos casos apareceram no município

[China confina meio milhão de pessoas perto de Pequim, após novo surto de coronavírus]
Foto : FAB

Por Kamille Martinho no dia 28 de Junho de 2020 ⋅ 18:00

As autoridades chinesas anunciaram hoje (28) o confinamento de quase meio milhão de pessoas que vivem nos arredores de Pequim, em decorrência de um novo surto de covid-19 na cidade, qualificado como "sério e complexo" pelo governo.

O país asiático havia praticamente contido a epidemia, entretanto, em pouco mais de duas semanas, cerca de 300 novos casos apareceram no município.

Neste domingo, as autoridades locais anunciaram que, a partir de agora no cantão de Anxin, a 60 km ao sul de Pequim, na província de Hebei, apenas uma pessoa por família poderá sair, uma vez por dia, para comprar alimentos e remédios.

Segundo o Estadão, cerca de um terço dos novos casos relatados até agora está relacionado à seção de carne bovina e de cordeiro do mercado atacadista de Xinfadi, no sul da cidade, que fornece produtos frescos, principalmente para supermercados e restaurantes.

Notícias relacionadas