Mundo

Milhares protestam nos EUA após decisão no caso Breonna Taylor

A Justiça acusou, apenas um dos policiais envolvidos no tiroteio que causou a morte da enfermeira negra Breonna Taylor

[Milhares protestam nos EUA após decisão no caso Breonna Taylor]
Foto : Reprodução

Por Kamille Martinho no dia 24 de Setembro de 2020 ⋅ 08:21

Milhares de pessoas foram ontem (23) às ruas da cidade americana de Louisville para protestar contra a decisão da Justiça, que acusou, indiretamente, apenas um dos policiais envolvidos no tiroteio que resultou na morte da enfermeira negra Breonna Taylor. Breonna foi morta dentro do apartamento onde morava durante uma ação de busca de drogas — nenhum entorpecente foi encontrado, na ocasião.

Durante a tarde, vários manifestantes foram presos enquanto os protestos avançavam pela principal cidade do estado de Kentucky. O município decretou estado de emergência e convocou um toque de recolher a partir das 21h locais.

Segundo a agência Associated Press, um júri de Kentucky decidiu não acusar nenhum policial diretamente pela morte da jovem. Em vez disso, a justiça apenas formalizou acusação contra o policial Brett Hankison. Ele responderá por colocar a vizinhança em perigo e agir com indiferença ao disparar em casas vizinhas à de Taylor.

A reportagem alega, entretanto, que nenhum dos tiros disparados por Hankison, porém, atingiu Taylor. Ela foi atingida por seis disparos feitos por outros policiais, que não foram acusados.

Notícias relacionadas