Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Ministro diz que Governo poderá remanejar recursos para combater Aedes

O ministro Ricardo Berzoini, titular da Secretaria de Governo da Presidência da República, afirmou neste sábado (13), durante as ações do Dia Nacional de Mobilização contra o Mosquito Aedes aegypti, em Manaus, no Amazonas, que apesar da crise financeira, o governo federal poderá remanejar recursos para combater o mosquito transmissor da dengue, chikungunya e do vírus Zika. [Leia mais...]

[Ministro diz que Governo poderá remanejar recursos para combater Aedes]
Foto : José Cruz/Agência Brasil

Por Jessica Galvão no dia 13 de Fevereiro de 2016 ⋅ 17:01

O ministro Ricardo Berzoini, titular da Secretaria de Governo da Presidência da República, afirmou neste sábado (13), durante as ações do Dia Nacional de Mobilização contra o Mosquito Aedes aegypti, em Manaus, no Amazonas, que apesar da crise financeira, o governo federal poderá remanejar recursos para combater o mosquito transmissor da dengue, chikungunya e do vírus Zika.

“A presidenta Dilma já anunciou que não faltarão recursos, mesmo nesse ambiente de difícil gestão orçamentária. Se necessário, vamos remanejar orçamento para assegurar que não faltem recursos [no combate ao mosquito]”, afirmou o ministro.

Berzoini ainda pediu a participação da população. “A ação do governo é fundamental, mas a ação da sociedade é decisiva. Se não houver uma mobilização em cada casa, em cada propriedade comercial, em cada local que possa haver criadouro, todo o esforço governamental e daqueles que estão mobilizados pode ser colocada em risco pela omissão de uma parcela minoritária, que não se mobiliza”, alertou.

Notícias relacionadas

[Se Deus quiser vou continuar meu mandato, diz Bolsonaro]
Política

Se Deus quiser vou continuar meu mandato, diz Bolsonaro

Por Juliana Rodrigues no dia 21 de Janeiro de 2021 ⋅ 10:05 em Política

Em conversa com apoiadores, presidente ainda responsabilizou governo do Amazonas e prefeitura de Manaus pelo caos na saúde da capital: "Todo mundo me culpa. Tudo sou eu"