Política

De mudança para PSD, Antônio Brito diz que deixou PTB por "necessidade"

O deputado federal Antônio Brito, durante entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (14), falou sobre a sua ida para o Partido Social Democrático (PSD), comentou uma possível candidatura a prefeitura de Jequié, além de elogiar as manifestações que levaram milhares de pessoas às ruas no último domingo (13), contra o governo do PT. [Leia mais...]

[De mudança para PSD, Antônio Brito diz que deixou PTB por
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento no dia 14 de Março de 2016 ⋅ 10:27

O deputado federal Antônio Brito, durante entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (14), falou sobre a sua ida para o Partido Social Democrático (PSD), comentou uma possível candidatura a prefeitura de Jequié, além de elogiar as manifestações que levaram milhares de pessoas às ruas no último domingo (13), contra o governo do PT.  "Hoje ao ingressar com todos os meus colegas, todos do PSD, ingresso pra somar. Estamos aí em um projeto conjunto que acreditamos e que me motivou a entrar. Estou muito feliz em poder servir. Senti um espaço muito bom, queria agradecer a confiança de Otto Alencar", afirmou.

Brito disse ainda que a saída do PTB foi motivada por "posicionamentos e necessidades". "Queremos trabalhar, colocar o trabalho a serviço da população e precisamos de um partido que dê condições de fazer isso. Deixo um abraço grande ao presidente do PTB mas acho que a gente tem que seguir", destacou. Sobre Jequié, o deputado afirmou que nada está definido. "Não decidi. Estamos vendo com Otto Alencar. A tendência é que tenhamos uma candidatura própria do PSD, mas vamos fazer um debate grande na cidade, que precisa ser revitalizada", informou.

Na visão do deputado, manifestações são necessárias para deixar claro os desejos da população. "Acho saudável. As pessoas têm que se posicionar mesmo e cabe ao governo, ao Congresso e a todos os poderes observar o que a população quer dizer e mexer nos rumos do país e buscar alternativas pra não sair da crise mas atender os anseios da população", finalizou.

 

 

 

Notícias relacionadas

[Bolsonaro quer controlar o dinheiro da Ancine]
Política

Bolsonaro quer controlar o dinheiro da Ancine

Por Juliana Rodrigues no dia 23 de Julho de 2019 ⋅ 07:40 em Política

Produtores e diretores avaliam que a mudança bate de frente com um momento de sucessos recentes do cinema nacional, além de ser uma forma de censura velada