Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Domingo, 21 de abril de 2024

Home

/

Notícias

/

Política

/

Após Bolsonaro não saber responder se é cis ou trans, deputado quer barrar uso dos termos na PF

Política

Após Bolsonaro não saber responder se é cis ou trans, deputado quer barrar uso dos termos na PF

Gilvan Costa é do PL, partido do ex-presidente, e é agente da PF licenciado

Após Bolsonaro não saber responder se é cis ou trans, deputado quer barrar uso dos termos na PF

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Por: metro1 no dia 24 de fevereiro de 2024 às 12:23

Em seu depoimento à Polícia Federal (PF) na última quinta-feira (22), o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e não soube responder se era uma pessoa cis ou transgênero. Essa foi a única pergunta que ele se dispôs a responder. Agora, após a polêmica, o deputado Gilvan Costa (PL) quer barrar o uso dos termos no questionário que passou a ser adotado pela na coleta de depoimentos.

Gilvan é do PL, partido do ex-presidente, e é agente da PF licenciado. Ele alega que o uso dessas terminologias é uma “doutrinação” da corporação e vai apresentar um projeto de decreto legislativo para impedir esse procedimento no questionário. A medida foi adotada no governo Lula para tentar adequar as políticas públicas adotadas em relação à temática LGBTQIA+. A informação é do colunista Paulo Cappelli, do portal Metrópoles.

“Contudo, perguntar indiscriminadamente a qualquer depoente se ele é cisgênero ou transgênero, se é heterossexual ou homossexual… Isso é doutrinação. É algo ideológico e doutrinário. Não tem embasamento legal e causa constrangimento”, disse o deputado ao portal.