Política

'Suruba selecionada': Jucá se desculpa e diz que se referiu à música dos Mamonas

Nesta terça-feira (21), o líder do governo no Congresso, senador Romero Jucá (PMDB-RR), pediu desculpas por ter usado o termo "suruba selecionada" ao fazer referência à proposta de restrição do foro privilegiado para processos que envolvam agentes públicos. [Leia mais...]

['Suruba selecionada': Jucá se desculpa e diz que se referiu à música dos Mamonas]
Foto : Agência Brasil

Por Yasmin Garrido no dia 21 de Fevereiro de 2017 ⋅ 19:29

Nesta terça-feira (21), o líder do governo no Congresso, senador Romero Jucá (PMDB-RR), pediu desculpas por ter usado o termo "suruba selecionada" ao fazer referência à proposta de restrição do foro privilegiado para processos que envolvam agentes públicos. "Se acabar o foro, é para todo mundo. Suruba é suruba. Aí é todo mundo na suruba, não uma suruba selecionada", disse em entrevista ao jornal "O Estado de S. Paulo" na última segunda (20).

Na entrevista, o peemedebista se referiu à proposta em debate no Supremo Tribunal Federal (STF) de restringir a prerrogativa dos políticos apenas ao madato em exercício. De acordo com ele, o Supremo deveria ter incluído integrantes do Judiciário e do Ministério Público no projeto. Já nesta terça, Jucá afirmou que sua declaração foi tirada do contexto e que, ao mencionar o termo "suruba", quis fazer referência à música "Vira-vira", da banda Mamonas Assassinas.

Notícias relacionadas

[Bolsonaro tira Joice Hasselmann de liderança do governo ]
Política

Bolsonaro tira Joice Hasselmann de liderança do governo 

Por Alexandre Galvão no dia 17 de Outubro de 2019 ⋅ 14:15 em Política

Joice foi escolhida líder do governo em fevereiro, pela indicação dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP)