Política

Ex-tesoureiro do PT e empresário são condenados na Lava Lato

Nesta quinta-feira (2), o juiz federal Sérgio Moro condenou na Operação Lava Jato o ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT) Delúbio Soares e o empresário e dono do jornal Diário do Grande ABC Ronan Maria Pinto a cinco anos de prisão em regime fechado por lavagem de dinheiro. [Leia mais...]

[Ex-tesoureiro do PT e empresário são condenados na Lava Lato]
Foto : Rodrigo Félix Leal/Futura Press/Estadão Conteúdo

Por Yasmin Garrido no dia 02 de Março de 2017 ⋅ 14:12

Nesta quinta-feira (2), o juiz federal Sérgio Moro condenou na Operação Lava Jato o ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT) Delúbio Soares e o empresário e dono do jornal Diário do Grande ABC Ronan Maria Pinto a cinco anos de prisão em regime fechado por lavagem de dinheiro. O tesoureiro responde a mais uma ação penal no âmbito da operação.

Além de Delúbio e do empresário, outras três pessoas também foram condenadas na ação penal por lavagem de dinheiro no montante de R$ 6.028.000,00. A decisão da primeira instância é passível de recurso.

"Condeno  Delúbio Soares de Castro, Enivaldo Quadrado, Luiz Carlos Casante, Natalino Bertin e Ronan Maria Pinto pelo crime de lavagem de dinheiro, consistente, no repasse e recebimento, com ocultação e dissimulação, de produto de crime de gestão fraudulenta de instituição financeira", diz um trecho da sentença de Moro.

Notícias relacionadas