Política

Presidente do STF diz que 'não há perfeição nas instituições brasileiras'

Nesta sexta-feira (31), a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, declarou que, após quase 30 anos da promulgação da Constituição Federal, o mundo presencia "um refluxo de conquistas que nós considerávamos devidamente aprontadas". [Leia mais...]

[Presidente do STF diz que 'não há perfeição nas instituições brasileiras']
Foto : Agência Brasil

Por Yasmin Garrido no dia 31 de Março de 2017 ⋅ 16:23

Nesta sexta-feira (31), a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, declarou que, após quase 30 anos da promulgação da Constituição Federal, o mundo presencia "um refluxo de conquistas que nós considerávamos devidamente aprontadas".

A ministra ainda afirmou que "as instituições brasileiras estão funcionando" e "o Poder Judiciário está atento". No entanto, Cármen Lúcia ressaltou que "não há perfeição nas instituições". O discurso da ministra aconteceu durante seminário sobre o fortalecimento dos direitos humanos, realizado na sede do Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília.

"Os tempos eram outros, e os tempos são sempre outros e são sempre novos, mas nós não achávamos que, 30 anos depois, houvesse, no mundo, não apenas no Brasil e não especialmente no Brasil, um refluxo de conquistas que nós considerávamos devidamente aprontadas", afirmou a ministra, que também preside o Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Notícias relacionadas