Política

Lídice lamenta retorno de Aécio e prevê salvação a Temer: "Acho que vai escapar"

Durante entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metrópole, na manhã desta quarta-feira (18), a senadora Lídice da Mata (PSB) lamentou o resultado da votação que devolveu o mandato parlamentar a Aécio Neves (PSDB-MG). Ela votou a favor do afastamento do senador, denunciado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) com base nas delações de executivos da J&F. [Leia mais...]

[Lídice lamenta retorno de Aécio e prevê salvação a Temer:
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 18 de Outubro de 2017 ⋅ 08:15

Durante entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metrópole, na manhã desta quarta-feira (18), a senadora Lídice da Mata (PSB) lamentou o resultado da votação que devolveu o mandato parlamentar a Aécio Neves (PSDB-MG). Ela votou a favor do afastamento do senador, denunciado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) com base nas delações de executivos da J&F.

"Houve tempo para articular e também teve o quórum mais baixo. A dúvida ontem é se eles conseguiriam no quórum, mas depois conseguiram. Antes esperaram quase 40 minutos pelo líder do PSDB chegar, que estava com problema de saúde", disse.

Para a senadora, o presidente Michel Temer (PMDB) também pode sair vitorioso da segunda denúncia na Câmara. "Eu acho que [o presidente Michel] Temer vai escapar. O que aconteceu ontem no Senado e a situação de Temer vão dando uma sensação de impunidade e a desmoralização do Poder Legislativo. Ele se transforma numa agenda pesada e negativa, é a manutenção de uma crise profunda e permanente. A permanência de Temer é a permanência da crise, do descrédito. A economia dá dois passos para frente e três para trás", analisou.

Os outros dois baianos, Otto Alencar (PSD) e Walter Pinheiro (sem partido), também votaram pela manutenção do afastamento. Outros 44 foram contrários e apoiaram o retorno do tucano.

Notícias relacionadas

[Podemos decide expulsar Marco Feliciano]
Política

Podemos decide expulsar Marco Feliciano

Por Juliana Rodrigues no dia 10 de Dezembro de 2019 ⋅ 10:00 em Política

Em nota, deputado se disse orgulhoso de ter sido expulso da legenda por apoiar Bolsonaro