Política

Após críticas, Dilma Rousseff desiste de recriar imposto da CPMF

O governo anunciou no início da noite desse sábado (29), que a presidente Dilma Rousseff (PT) desistiu de propor a recriação da contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), a medida iriaser usada para cobrir um rombo de R$ 80 bilhões referente ao Orçamento da União de 2016.[Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Agência Brasil

Por Bárbara Silveira no dia 29 de Agosto de 2015 ⋅ 19:40

O governo anunciou no início da noite desse sábado (29), que a presidente Dilma Rousseff (PT) desistiu de propor a recriação da contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), a medida iria  ser usada para cobrir um rombo de R$ 80 bilhões referente ao Orçamento da União de 2016.

De acordo com a Folha, a decisão foi tomada durante reunião da presidente com os ministros da Casa Civíl, Aloizio Mercadante e do Planejamento, Nelson Barbosa. A recriação teria sido vetada por Dilma por conta da alta rejeição de aliados e de empresários. 

Notícias relacionadas