Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Aliados de Bolsonaro avaliam ter 10% de aliados na Câmara dos Deputados

Apesar de o PSL ter apenas oito deputados e os almoços, na mais otimista das projeções, terem reunido pouco mais de 10% da Câmara dos Deputados, os aliados demonstram entusiasmo. [Leia mais...]

[Aliados de Bolsonaro avaliam ter 10% de aliados na Câmara dos Deputados ]
Foto : Marcelo Camargo / Agência Brasil

Por Alexandre Galvão no dia 19 de Abril de 2018 ⋅ 08:40

Aliados do deputado e pré-candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), acreditam ter apoio de 10% da Câmara Federal. De acordo com a Folha, o apoio é sentido em almoços promovidos por apoiadores explícitos.

O último almoço aconteceu no dia 11, na casa do deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), que cozinhou ele próprio um filé ao molho madeira e um fricassê de frango para os convidados.

Cerca de 30 parlamentares compareceram, uma parte do que Onyx e os bolsonaristas da Câmara dizem já ter arregimentado para a campanha ao Palácio do Planalto do ex-capitão do Exército, ao todo 58, afirma Onyx, que se recusa a dar nomes.

Outro participante do almoço, Valdir Collato (MDB-SC) diz não ver constrangimento em frequentar reuniões de um adversário do governo de seu partido.

Michel Temer e o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles figuram como possíveis postulantes. “O MDB não tem candidato ainda, não dá para ficar esperando”, disse. Rogério Peninha Mendonça, também do MDB de Santa Catarina, é outro frequentador dos almoços bolsonaristas em Brasília.

Apesar de o PSL ter apenas oito deputados e os almoços, na mais otimista das projeções, terem reunido pouco mais de 10% da Câmara dos Deputados, os aliados demonstram entusiasmo.

Notícias relacionadas