Política

Direção-Geral do Congresso veta jornalistas em sessão com Bolsonaro

O salão do plenário, vai ser acessado somente pela imprensa interna (TVSenado e TVCâmara)

[Direção-Geral do Congresso veta jornalistas em sessão com Bolsonaro]
Foto : Valter Campanato/Agência Brasil

Por Marina Hortélio no dia 05 de Novembro de 2018 ⋅ 16:07

A entrada de profissionais de imprensa no plenário da Câmara, durante a sessão de amanhã (6), na qual o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), vai voltar ao Parlamento, foi proibida pela Direção-Geral do Senado, que organiza as reuniões do Congresso — Câmara e Senado.

Em comunicado distribuído internamente, o órgão afirma que "o acesso ao plenário da Câmara dos Deputados será restrito às autoridades, parlamentares e servidores autorizados”.

Em nota, a Direção-Geral do Senado afirma ainda que os veículos vão ter acesso às galerias e ao Salão Verde. O salão do plenário, vai ser acessado somente pela imprensa interna (TVSenado e TVCâmara). A segurança das Sessões Conjuntas é organizada pela Polícia do Senado Federal.

A sessão de amanhã (6) comemora os 30 anos da Constituição Federal. O evento vai contar com um forte esquema de segurança, que é considerado como um ensaio para a posse de Bolsonaro em janeiro. Ao todo, foram distribuídos pelo cerimonial 1,5 mil convidados.

Notícias relacionadas