Política

Ministro do Supremo derruba censura ao Estadão sobre filho de Sarney

Jornal ficou 3.327 dias proibido de falar sobre o empresário Fernando Sarney por determinação da Justiça

[ Ministro do Supremo derruba censura ao Estadão sobre filho de Sarney ]
Foto : Jane de Araújo/Agência Senado

Por Rodrigo Daniel Silva no dia 09 de Novembro de 2018 ⋅ 08:40

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowki, derrubou a determinação que proibia o jornal Estado de São Paulo de publicar reportagens sobre a Operação Boi Barrica.

A ação tem como alvo o empresário Fernando Sarney, que é filho do ex-presidente da República, José Sarney (MDB).

O jornal Estadão disse que ficou 3.327 dias em censura por decisão do Tribunal de Justiça do Distrito Federal.

Notícias relacionadas

[PSL pede entendimento de Bolsonaro com o partido]
Política

PSL pede entendimento de Bolsonaro com o partido

Por Metro1 no dia 15 de Outubro de 2019 ⋅ 18:44 em Política

Sigla destaca que é a única com 98% de votações favoráveis ao governo federal e que não compactua com eventuais desgastes