Política

General é alvo de inquérito do STF e ironiza: 'Lamentei não poder recebê-los'

Investigação foi ordenada pelo ministro Alexandre de Moraes para apurar fake news contra os membros da Corte

[General é alvo de inquérito do STF e ironiza: 'Lamentei não poder recebê-los']
Foto : Reprodução/G1

Por Matheus Simoni no dia 16 de Abril de 2019 ⋅ 09:00

O general da reserva Paulo Chagas foi alvo de um inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF) que apura mensagens e fake news contra outros ministros da Corte. A investigação foi ordenada pelo ministro Alexandre de Moraes. Além da residência do militar, outros nove endereços foram vasculhados.

“Caros amigos, acabo de ser honrado com a visita da Polícia Federal em minha residência, com mandato de busca e apreensão expedido por ninguém menos do que ministro Alexandre de Moraes”, afirmou o general, em post no Twitter. “Quanta honra! Lamentei estar fora de Brasília e não poder recebe-los pessoalmente", escreveu.

Chagas foi candidato ao governo do Distrito Federal na eleição do ano passado pelo PSL. O general informou na manhã desta terça-feira, em uma rede social, que é alvo de um dos mandados expedido pelo ministro do Supremo.

Notícias relacionadas

[PSL pede entendimento de Bolsonaro com o partido]
Política

PSL pede entendimento de Bolsonaro com o partido

Por Metro1 no dia 15 de Outubro de 2019 ⋅ 18:44 em Política

Sigla destaca que é a única com 98% de votações favoráveis ao governo federal e que não compactua com eventuais desgastes

[PF montou em um dia operação contra Bivar]
Política

PF montou em um dia operação contra Bivar

Por Alexandre Galvão no dia 15 de Outubro de 2019 ⋅ 11:00 em Política

Além da casa de Bivar no Recife e da sede do partido, estão entre os alvos endereços de três ex-candidatas do PSL