Política

Líderes do PSL criticam Olavo e defendem Mourão

Declarações do deputado Delegado Waldir (GO) e do senador Major Olímpio (SP) foram dadas em entrevista à Rádio Eldorado, de São Paulo

[Líderes do PSL criticam Olavo e defendem Mourão]
Foto : Antonio Cruz/Agência Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 23 de Abril de 2019 ⋅ 09:40

Os líderes do PSL na Câmara e no Senado, Delegado Waldir (GO) e Major Olímpio (SP), fizeram críticas, ontem (22), à influência do escritor Olavo de Carvalho sobre o presidente Jair Bolsonaro e saíram em defesa do vice-presidente, Hamilton Mourão, e dos ministros militares. A ala é alvo constante de críticas do ideólogo. As declarações dos líderes foram dadas em entrevista à Rádio Eldorado, de São Paulo.

O deputado Delegado Waldir afirmou que Bolsonaro "tem que dar um basta nesse astrólogo que comanda dois ministérios, pois as pessoas querem educação, saúde e segurança". Para ele, o País precisa "parar de discutir o sexo dos anjos com um futurólogo que mora nos Estados Unidos".

O senador Major Olímpio lembrou que, diferentemente de Olavo, o vice-presidente foi eleito junto a Bolsonaro, o que torna seu papel "indiscutível".

Olavo de Carvalho é considerado um "guru" ideológico bolsonarista e tem feito críticas à ala militar do governo. Recentemente, um vídeo com declarações polêmicas do escritor sobre os oficiais foi publicado na página oficial do presidente no YouTube e apagado horas depois, o que gerou diversas reações.

Leia mais:

Mourão diz que Olavo deveria se limitar à astrologia: 'Não está sendo bom para o governo'

'Adolescente totalmente desqualificado', diz Olavo de Carvalho sobre Mourão

Para núcleo militar, publicação de vídeo foi ação de Bolsonaro contra Mourão

Após publicar e apagar vídeo em rede social, Bolsonaro diz que declarações de Olavo'não contribuem'

Notícias relacionadas