Política

'Bolsonaro está chamando um cadáver para as ruas', diz Ciro sobre manifestações 

Candidato derrotado à Presidência da República em 2018, o pedetista avalia que o presidente eleito não soube interpretar o seu papel após a disputa eleitoral

['Bolsonaro está chamando um cadáver para as ruas', diz Ciro sobre manifestações ]
Foto : Reprodução / Youtube

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Maio de 2019 ⋅ 14:36

Vice-presidente nacional do PDT, Ciro Gomes afirmou que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) pretende criar confusão com o chamamento para manifestações no próximo dia 26. “Bolsonaro está chamando um cadáver para a rua. Isso é o começo, é a radicalização, coloca Deus na história e pede para rezar. O outro lado quer desqualificar, Bolsonaro chama de idiota. E isso esquenta um caldo de um lado e esse tipo de coisa vai negando a linguagem da política”, avaliou, em entrevista ao canal My News, no Youtube.

Ainda para Ciro, o presidente está irritado, pois supostos desvios da sua família foram descobertos. “O Bolsonaro é um politiqueiro. Fui colega dele, deputado por 28 anos, membro do sistema. Apoiou [Sérgio] Cabral, Crivella, Garotinho, Aécio e agora o que tá ‘inervando’ Bolsonaro é que pegaram o rabo do rato. Ele ensinou o Flávio [Bolsonaro, filho do presidente e Senador da República] a fazer a ‘rachadinha’. Ele é mentiroso e corrupto”, acusou. 

Candidato derrotado à Presidência da República em 2018, o pedetista avalia que o presidente eleito não soube interpretar o seu papel após a disputa eleitoral. “É um presidente irresponsável que quer reproduzir o que deu êxito a ele. O contexto de ganhar eleição é o antagonismo. Ele teve êxito com esse conjunto de molecagens de internet, com dinheiro estrangeiro, uma parte corrupta do baronato israelita influiu aqui. Para ganhar uma eleição, precisa desse antagonismo. Ele nunca entendeu que o papel dele é unir, ao ganhar a eleição. Estabelecer diálogo. O discurso dele antissistema não guarda coerência com o fato dele ser 'o' sistema”. 

Veja a entrevista completa: 

Notícias relacionadas

[No centro de crise, Moro omite detalhes de agenda nos EUA]
Política

No centro de crise, Moro omite detalhes de agenda nos EUA

Por Juliana Almirante no dia 25 de Junho de 2019 ⋅ 11:20 em Política

Assim como todos os ministros de Estado, ele deveria informar por meio de assessoria ou no site oficial da Justiça quais são os compromissos oficiais