Política

PGR pede ao Supremo para suspender viagem de senador ao Caribe

Acir Gurgacz cumpre pena de 4 anos e 6 meses por crime contra o sistema financeiro

[PGR pede ao Supremo para suspender viagem de senador ao Caribe]
Foto : Waldemir Barreto / Agência Senado

Por Metro1 no dia 26 de Junho de 2019 ⋅ 20:56

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu, nesta quarta-feira (26), que o Supremo Tribunal Federal (STF) suspenda a viagem de férias para o Caribe autorizada pela Justiça do Distrito Federal ao senador Acir Gurgacz (PDT-RO). O pedido foi feito ao ministro Alexandre de Moraes, relator de ação penal na qual Acir Gurgacz foi condenado. 

Segundo Dodge, a viagem é incompatível com a punição. O passeio está previsto para ocorrer entre 17 de julho e 3 de agosto. Segundo o senador, "a viagem acontecerá durante o recesso parlamentar e será paga com recursos próprios, sem nenhum prejuízo aos cofres públicos".

O político cumpre pena de 4 anos e 6 meses por crimes contra o sistema financeiro. Atualmente, ele está em regime aberto, pode sair durante o dia, mas tem restrições, como não consumir bebidas alcoólicas e não se deslocar sem autorização. 

 

Notícias relacionadas